terça-feira, 17 de agosto de 2010

Sim, o desmame.

Daí que Lulu me desmamou e o mundo é cruel. Pausa para enxugar umas lagrimazinhas que escorrem por meu rosto-- Daí que graças a Deus foi tudo assim, bem simples, natural e sem traumas(pra ela).Pausa para trocar de lenço de papel que esse tá encharcado- De uma hora pra outra ela mesma foi dimunuindo os pedidos de “DÁ MAMÁ”principalmente os em público o que graças ao bom pai foi um alívio e um favor pros olhos curiosos, porque além de pedir, ela abaixava minha blusa e eu corria o risco de ser presa por atentado violentíssimo ao pudor além de injúria e difamação, por deixar a mostra meus dois figos Ramys. Pausa para um choro convulsivo- Então que dia sim, dia não, ela ia dar uma fuçadinha, dava umas chuchadinhas, às vezes fazia cara feia, as vezes mirava bem pra eles e caia na gargalhada. Ate tú, filha? Isso é grave. Pausa pra me jogar no chão com a mão na cabeça e gritar "NÃÃÃO, porque comigo?” Daí que num dia ela não pediu mais e eu nem ofereci, porque não tinha nada pra oferecer mesmo, nem a espuminha pro café.. então os dias foram passando e hoje já somam o que... deixa fazer as contas ...hum...DOIS dias que ela não mama!Pausa pra tentar um auto-sufocamento com o travesseiro- Pois bem, hoje passei o dia meio assim... deprimida, tristonha, sem vontade de nada e com ódio da Parmalat, da Elegê, da Fazenda, do Centenário e do Ninho propriamente dito.Pausa pra ralar meus peitos numa parede chapiscada e gritar em alto e bom som "seus inúteis vocês não prestam pra mais nada, nem pra preencher um sutiã (outrora) 44.- Jáque toquei nesse assunto, alguém sabe de plano de saúde que cubra 330ml de silocone-em –forma-de gota (não acho natural aqueles redondos no estilo mulher samambaia). Porque ó, vô te dizê, tô muuuito precisada. Me diz o que vou fazer com meus sutiãs 44 se agora uso 40 e com aro reforçado em baixo pra não parecer ianomami. Amanhã mesmo vou procurar um cirurgião. -Pausa pra tomar um gole de cianureto-

Então é isso, minha Luluzinha tá se tornando uma mulher cheia de vontade própria, independente, decidida, segura e feliz segurando sua mamdeira rosinha cheia de leitezinho Ninho 1. E eu... bem, eu vou ficar bem um dia... Eu já imaginava que isso,mais cedo ou mais tarde, iria acontecer.Os filhos crescem, vão pra escolinha, comem suas bisnaguinhas com requeijão sozinhos, vão pro acampamento de férias, brigam, arrumam namorados, sentem vergonha de nós mães só por sermos mães, se formam no colégio e vão pra Porto Seguro e beijam 10, 12 desconhecido(a)s na mesma noite, tem seu primeiro porre de Capeta, tomam sua primeira injeção de glicose, tiram carteira de motorista, pegam seu carro emprestado, vão pra Maresias com ‘uns amigos aí', fumam seu primeiro baseado e pronto. Esquecem que tem pai e mãe. Mas ó...eu vou ficar bem... um dia.

No mais, é isso genz. Eu nunca tinha imaginado que a coisa do desmame ia ser tão simples, tão fácil, tão gostoso, tão....


Vou ali brincar de roleta russa! Com sorte(?ou não?) eu volto!

Miaguardem...

Ou não.


41 comentários:

Lua Ugalde disse...

huahauhauuhau..tu mimata!!
Tava com saudades dos teus posts, achava até que tinha nos abandonado.
Fica assim não, pense que a gente cria os filhos pro mundo (tomara que isso te ajude pq eu não consigo me conformar com isso)e que a independência dela tbm te trará um pouco de independência e, vamos torcer, um pouco de sono...rsrrsrs
BJos!!
Ah, não sei se avisei mas eu mudei de blog, aggora to no www.devaneioslunares.blogspot.com depois dá uma passada por lá. bjinhos

CECILIA, avó fake da Lulu e verdadeira da Camila disse...

Giuliana, escrevo com a memória voltada para 1959 (Flavio, Lisboa) e 1961 (Paulo, São Paulo). Me espanto com toda essa tristeza e lamentação, porque: (1) nos anos 50 e 60 não "se usava" amamentar, era considerado 'coisa de gente pobre, vulgar'. Os pediatras mandavam quase que direto pro Leite Ninho (só tinha um, não era essa farra de Ene, eme, Xis, etc)e vinha com uma medida lindinha, de metal, que eu pegava pra brincar de comidinha de boneca (é, eu mal tinha 20 anos). Veja nos filmes da 'Feiticeira', ela manda na mamadeira assim que a Tabatha nasce; aliás, em todos os filmes americanos você via isso (nos europeus, pós-guerra, as pobres amamentavam, enquanto as ricas, dos 'telefones brancos', só reviam os filhos na formatura). Depois (2): eu achava amamentar chatéeeeeeesimo, um abuso - e A-DO-REI quando meu leite acabou, 2 meses depois do Flavinho nascer. Ele ficou com duas enfermeiras, uma babá e uma grande amiga minha, em Lisboa, e me mandei para a Itália com o Guarnica, para passar o Natal com a família dele. Acho que o bebê nem notou. Com o Paulo, 1 ano e 5 meses depois, eu não tive leite logo de cara. Feliz da vida, e com orientação do meu caríssimo pediatra, comprei um monte de mamadeiras de vidro Pirex (que estouravam a metade do tempo, quando eu, estremunhada, de madrugada, ia aquecer no Banho da Maria...), uma porção de bicos redondos (não tinha essa de anatômico, e eram de plástico mole côr de cocô) e meia dúzia da mamadeiras pequenininhas, de 100 ml (acho), para água e sucos. Era o que havia. E os dois se criaram fortes, espertos, talentosos e belos como você os conhece. Aliás, Flávio pode ser admirado e aplaudido, atualmente, na peça "O Mensageiro de Deus", no Teatro Santo Agostinho.
Quem sabe as moças que lêem e comentam este blog perguntam pras mães delas se elas também se lembram dessas coisas? Boa noite, e aproveita - sai, vai ao cinema (tem cada filme bacana!), ao teatro, LÊ, faz as unhas e o cabelo, vai no shopping, DORME, namora, viaja... A vida é curta - e eles "se mandam pra Maresias com um pessoal aí" MUITO ANTES do que você possa pensar. Saúde, felicidade e alegrias eternas. Tua amigona setentona e feliz, mãe de 2, avó de 4 e da Lulu.

Thais Bessa disse...

Eu te entendo! Comigo aconteceu a mesma coisa, mas a Bebella largou o peito, assim sozinha e por vontade própria mesma, mas só que com 6 meses, assim que começou a comer. Também fiquei triste, porque queria ir até 1 ano, mas fazer o que? Se ela não quer, não quer... :(

Ah, eu já tenho silicone, mas agora acho que preciso de recauchutar o bicho, mas acho que não vale a pena antes de ter um segundo filho não. Se vc quer outro, mió esperar o segundo acabar de vez com a bagaça.

Bjos

Fabi disse...

Hauhahauhuahau

hauhauhauahua

hauhauahua

aaaahhhh... pode parar de rir agora?

Desculpe rir da sua "desgraça", mas você é muuuuito engraçada. Gata, você vai poder VIVER agora. Tem noção?????

Um grande beijo,
Fabi
http://depoisqueeudescobri.wordpress.com/

Lia disse...

Ai, Ju, te estendo minha mão solidária. Deve ser fácil não. Ontem Emília passou 10h longe de mim sem nem um leitinho meu no copinho. As tia disse que nem ofereceu porque ela estava feliz com seu feijão.
Mesmo assim continuo espremendo 250ml no trabalho, pra não diminuir a produção. Vai que amanhã ela resolve querer mais? Na pior das hipóteses, eu posso alugar meus peitos pra Parmalat.
Enfim, a única solução que eu proponho é embarrigar de novo. Encara?

Ser mãe é viver constantemente feliz! disse...

Parabéns pra ela e pra vc...esse momento era inevitável...agora quanto a todas as outreas coisas que vc citou...espero que nossos filhos não façam nem a metade...kkkkk....vamos ficar de olho....bjs

Joci disse...

Juh!!! comigo está acontecendo exatamente assim... tem dias que Elena nem me pede mama mais, embora um dia como ontem por exemplo ela me pediu mama umas 4 ou 5 vezes... daí que só tem espuminha pro café... aí logo ela se desinteressa ou então faz meu peito doer de tanto tempo que fica lá vendo se consegue tirar alguma coisinha... heheh, mas logo ela vair ter desmamado também... sem traumas...!

Eu tb fico com uma dorzinha no coração as vezes de ver meu bebezinho, outrora no colinho enrolado em mantinhas e agora correndo sozinha, subindo e descendo de tudo que sua perninha alcança e sem a dependência dos meus peito, heheh acho que vou tentar me jogar da janela, será que consigo algum arranhão se me jogar com bem força de menos de 1 metro?!

heheh

beijos para as duas!

Pati disse...

Dei muita risada contigo... pra mim desmamei na forca, alem da dor de "ter que", tinha a dor de ver meu filho chorar e pedir... me senti assim como vc... talvez pior pq ele queria... mas eu tinha uma cirurgia de coluna marcada, ja nao sentia meu pe por conta de uma hernia de disco... tive que tomar remedios monstros... foram 2 dias de sofrimento... e uma vida inteira pra lamentar que eu queria mais... rs
Mas eh isso... eles crescem, e cada vez menos precisam de nos... ainda bem que ainda sou bem solicitada por aqui... hahahahahaha
bjos

Ana Cecilia disse...

É assim mesmo, quando o Arthur desmamou senti a mesma coisa.. dá um vazio enorrrme .. mas com o tempo diminui.. Confesso que até hoje quando vejo um bebe amamentando tenho muiiiitas saudades.... Mas pensou que amamentei bem.. até os 11 meses.. E ele ta super bem.
A melhor parte vem agora.. com certeza a Lulu vai dormir mais e melhor a noite.. Pelo menos com o Arthur foi assim... Mamando no peito acordava de 1:30 hs em 1:30 hs.. depois que parou dormiu 6 horas seguidas.. nem acreditei.
Força!!!
Beijos,
Ana Cecilia
anacecilia.vazquez@gmail.com

Renata disse...

vc é engraçada demais! To com a Lia, o jeito é encarar o segundinho e começar tudo de novo...rs!
beijos

Sarah disse...

Tava sentindo falta dos seus posts bem-humorados!! kkkkkkk!!
Mas entendo vc, os primeiros dias pós-desmame são deprê, parece sempre que tá faltando alguma coisa a fazer com a baby... Muito mais difícil desmamar a gente do que eles, né não??
Mas como vc disse, é natural, faz parte do crescimento. E realmente, depois que saem do peito eles dormem melhor, pois não acordam tantas vezes à noite! Olha que maravilha!
beijo!

Desconstruindo a Mãe disse...

Oi, amiga,

Que bom que ELA não está sofrendo, não é mesmo? Continua faceirinha, se alimentando bem e curtindo essa fase mais independente...

Aqui em casa o desmame foi sofrido mais pra mim, que sentia culpa por precisar tomar medicação e porque ele parou de falar. O Caio parou de falar de novo ao entrar pra escola. Então ele mostra que está insatisfeito parando de dizer MAMÃE. Nunca mais disse.

Continua me beijando e só querendo ver a mamãe ao acordar, ai de quem se atrever a chegar antes de mim! Mas continuo me sentindo punida.

Ser mãe é conviver com culpas e com a dificuldade do desapego. Mas tem tantas alegrias! Curte isso com a Lulu e torce pra que ela fique satisfeita com a mamada da noite e durma muito, te permitindo descansar também!

Também fiquei despeitada, literalmente, com o fim das mamadas... E sonhava com um terceiro baby, ma so marido pegou a dianteira e já fez vasectomia antes do primeiro mês de vida do filhão!

Então o negócio é economizarmos pra colocar a prótese de gota (claro!) em 2011, que o projeto de 2010 é a depi definitiva!!!

Encara o desmame da Lulu como uma prova de que ela já nasceu sabendo o que quer e que isso é uma herança que tu passaste pra ela nos genes! Uma menina que segue a intuição dela pra fazer boas escolhas!

Beijão!
Ingrid

Dani disse...

Ju, comigo foi igual. Sofri horrores com o desmame e a Nina, nem "tchuns" prá mim. É assim mesmo!
Mas não tente se matar não...
Pensa assim: tava na hora de eu devolver os peitones pro marido! É isso aí! Bola prá frente querida! Daqui um pouco vem o segundo e aí, quem sabe, a gente não consegue demamá-lo com, sei lá, 6 ou 7 anos...
Beijo!
Ah...adorei o comentário da vovó da Lulu!

Camila disse...

Querida, amo o seu bom humor! Espero que a Lulu tenha recebido altas doses humorísticas através do saudoso leite materno, hahahahaha! Novas fases deliciosas virão, pode apostar!!
Bjos,
Camila
http://mamaetaocupada.blogspot.com

Kelly Resende disse...

Oi Giuliana, vc é hilária!!! Adoro seus posts!
Veja pelo lado positivo, mais cedo ou mais tarde isso ia acontecer, então é legal que está sendo de forma tão tranquila, e ela já tem 1 ano!
Aqui em casa estou tentando desvincular as mamadas do sono, mas estou perdendo feio a briga.
Qto ao silicone, nem me fale, eu q já usava 40, acho que não vou achar sutiã pra colocar as muchibinhas. rssss
Beijos

Ana do Chá e Viagens disse...

Hahahah, a gente rí pq não é com a gente!
Fiquei muito triste com o desmame precoce do Pedro Augusto, adoecí, tomei muita medicação e cirurgia quase depois do parto, então, aos 03 meses o meu pimpas já estava grudado em uma Kuka azul, sorte da Lulu tem a mamis com leitinho até seu 01 ano de vida! Força e isso logo passa e vc vai ver que no final é muito bom, eles se tornam bem + independentes, principalmente á noite, no quesito dormir.

Em relação ao silicone, nem me fale, tô doida para arrumar os meus "caidinhos" aqui.

Bjos nas 02!
Ana.

Ministério da saúde disse...

Não conseguiu vacinar seu filho? A vacina contra a paralisia infantil ainda está disponível em toda a rede pública do país. Vá ao posto de saúde mais próximo e imunize todas as crianças menores de cinco anos. A poliomielite é uma doença grave e não existe no Brasil desde 1989. Vamos ajudar a mantê-la longe das nossas casas!

Mais informações: comunicacao@saude.gov.br ou www.formspring.me/minsaude

Beta disse...

Oi Ju, eu sou o contrário de você, tinha peitão, diminuí antes de ter as crias e fiquei sem leite, então nem sei o que é amamentar, mas acho que foi bom pra ela ter sido no tempinho dela e ela nem ter sofrido por isso. Simata não, vou ficar com saudades das suas histórias, cada vez que vejo uma atualização aqui eu venho correndo, até marido virou teu fã, seu blog é um dos poucos que ele lê. Segue conselho da vovó da Lulu e vai ser feliz. Ou da Lia e encomenda o segundinho. Um beijão

Juliana Baron disse...

Pra variar dei risada! Principalmente com a parte de Porto Seguro já que meu marido tem uma empresa que leva essa gurizada pra lá....10, 12?? Ele me conta cada história guria!!! DIz ele que sorte que teve um filho homem...hahahhaa.
beijoS

neide disse...

seus posts sao hilarios to meio depre e consigo rir c seus posts ,seu humor e maravilhoso .bjos Neide

sueli disse...

num vô postá nada !!! ahahahaha

Juh** disse...

Ri demais!!
Mas demais mesmoooooo vc é uma doida rs....
E bora turbinar a peitcholas mesmo hein??
bjos

Micheli disse...

O desmame não é fácil para a mãe, mas se para ela foi tranquilo e natural, melhor...! Lembra que uns meses atrás vc me fez perguntas sobre o desmame? Que bom que foi tranquilo!
Um beijo.
http://tagarelicesepensamentos.blogspot.com/

Renata disse...

Eu ODEIO essa cadeirinha com todas as minhas forças. Quando o ANdré dorme a cabeça cai e é um horror, mas aí já tinha comprado, é cara pra caceta e acabamos ficando com ela mesmo.
Ódio mortal!!!
beijos

Joci disse...

Juh!!!

Tem um selinho para você lá no blog!!!

beijos

Coisas de mãe disse...

Olha só, uma noticia que você ia gostar de saber, tenho uma amiga argentina, e mora em Buenos Aires. O plano de saude dela COBRE PLASTICA NO PEITO (e talvez cubra outras, mas foi esta que ela quis depois de ter o primeiro filhos). E mais, agora ela teve uma filha, e está pensando em fazer outra plastica, porque o plano cobre!!!!

Não é um sonho???


beijos

Pati

http://coisasdemae.wordpress.com

Ana mãe da Valentina disse...

Parabéns!!!
Que bom que foi assim fácil, pelo menos pra Luli. Quanto as próteses vou trocar as minhas e se quiser reciclar as usadas.
Rsrsrsrs
Bj

Lu Boury disse...

AhUh como vc é chic! Kkkk cheia de comentários! Amiga, eu queria muito ter amamamentado mas infelizmente não tive leite meeesmo! Tentei ate secar, nada! E tbm
Com meu emprego, seria um sacrifício desmamar! Mas entendo mesmo sua dor, eu mesma quando consegui amamentar um pouco senti falta qdo mirrou aqui kkkk

Marcella Nathaly disse...

É, faço parte das Mães sem Leite e não consigo entender sua dor... Mas enfim, concordo com a outra do comentário, aproveita, Ju, agora você vai VIVER!!!

Beijão!

Mari Rocha disse...

Giuliana,

olha, eu tô na mesma. laura, minha filha, fez por bem recusar meu peito há dois dias atrás (que na verdade era a teta direita, pois só esta tava na batalha nos últimos dias...). eu aceitei, né? fazer o que? se desse pra gente comer chocolate com sorvete e o leite sair milk shake, quem sabe elas não largariam nunca... gostei da apelido que você deu.. figos ramys. eu chamei os meus de bexigas murchas e a coisa ficou ainda mais deprê. figo ramy pode até ser pequeno, mas pelo menos é durinho.
beijo!

Rosana Cecilia disse...

Giuliana, eu chorei quando meu filho desmamou, e olhe que ele tinha mais de 3 anos quando isso aconteceu! Mas pelo menos para você aconteceu naturalmente, eu tive que tirar o peito do meu, ele já fazia de "chupeta"fazia tempo.

Bjo!

sueli disse...

ô!!!. queremos mais notícias. Não é possível que a Lulu não tenha comido nenhuma migalha de bolacha do chão, a ração dos gatos... etc. Estamos ávidas de novo post.
bjokas da tia doida.

Paloma disse...

HAHAHAHAHAH!!! Esse post é sensacional, porque é exatamente assim que a gente se sente. E, não querendo te decepcionar, os peitos nunca mais serão os mesmos. Mas, e daí? Depois de ter um filho, nós nunca mais seremos as mesmas...E que bom que é assim. bjos
Paloma e Isa

Anônimo disse...

Eu tinha bastante medo
que isso fosse acontecer:
agora que a LULU dorme...
não temos mais blogue pra ler...

Lulu, faça um grande favor
pras amigas da mamãe amada:
volte a fazer bagunça
pra gente poder dar risada!

fernanda disse...

Vai, vc ta reclamando de barriga cheia (e peitos murchos...) Desculpa a piada SEM graça...
Mas é que quem vos fala eh uma mãe (outrora) sutiã tam 40 (!!!) E aí, imagina como fiquei!!! Tábua era pouco, menino de 8 anos tinha mais peitinho que eu! Nào existia marca, nem país, nem modelo, nem loja alguma q comercializasse aros e bojos do meu tamanho. E nem assim o seguro reembolsou.... Triste!
Mas cá estou, me recuperando da necessária cirurgia levanta-ego com 285ml de silicone devidamente implantados! E recomendo! Quer dizer, isso se eu conseguir sobreviver o restante dos 30 dias sem pegar minhas 2 filhas no colo...
Beijos, Fe M.
PS: primeira vez no seu blog! Amei!!! Vc escreve super-hiper-über bem! Delícia de ler e de rir! Parabéns!!

vemcaluisa disse...

hahaha, que ótimo!!! Sabe que acho que também não estou preparada né! Por sorte a Luisa anda numa fase de querer o peito a toda hora, acho que quando ela me olha nem ve a mãe, mas sim um par de peitos!! Mas é claro que uma hora ela vai querer parar, daí te chamo pra gente tomar umas a mais juntas, e pra pedir o telefone do cirurgião plástico também!! beijos

Anônimo disse...

cuidado com Ninho 1. Ele tem taurina em sua fórmula.... taurina é estimulante... experimenta ler o conteúdo do flash power... :)
tem outros 'modelos de ninho' que não tem taurina... já que Lulu não dorme... era melhor tentar outro.

Anônimo disse...

vi hj na tv sua reportagem achei bem dificil mas existem coisas que só n´´os mulheres temos a força para aguentar seja forte sua filha vai crescer logo logo e ai quem sabe ela cuide de vc .Sei vc ta fazendo a sua parte bjs,bjs
katia da silva

Anônimo disse...

Nossa ñ sei se vou sentir isso mais meu filho tem 5 meses e meio e a noite ele mama de 1 em 1 hora, as vezes acho que seria um pouquinho bom se ele larga-se só um pouquinho pq assim ñ durmo.
Vamos ver quando minha hora chegar.

Marla Gass disse...

Ai, nega, eu sei que essa hora é ruim pq quando a Vale diminuiu o ritmo eu já senti. Mas foi BEM PIOR desmamar meio à força, como eu resolvi fazer. (Não manda me prender, a explicação tá aqui --> http://marlagass.blogspot.com/2010/05/desmamando.html)
Mas eu simidivirto com teus posts.
Bj

Anônimo disse...

top [url=http://www.c-online-casino.co.uk/]uk casino online[/url] hinder the latest [url=http://www.casinolasvegass.com/]online casino[/url] free no deposit hand-out at the best [url=http://www.baywatchcasino.com/]baywatchcasino
[/url].