segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Estou voltando pra casa, outra veeeez.....


Estou voltando de férias hoje. FÉRIAS. Vocês sabem o que são férias?? Pois eu não.
Acho assim: mãe, principalmente mãe sozinha e que trabalha fora, deveria ter no mínimo dois tipos de férias. Férias com filhos e férias sem filhos, por uma sanidade mental mais presente nos próximos 350 dias do ano. É o que eu acho.
Tive 15 dias de férias na agência! Que delícia, pensei. Vou descansar, pensei ( mas como meus pensamentos são inocentes!). Me esqueci que Lulu estava de também férias. *Vamos todos chorar alegremente.*
Resolvemos então viajar um pouco, pra aproveitar. Pra ela aproveitar de mim, no caso.
Uma das coisas que fiquei pensando nesses 10 dias foi em inventar e sancionar alguma lei que obrigasse as praias a disponibilizarem babás. Se tiver algum canditado nas próximas eleições, que mesmo sendo um bandido, propor essa maravilha, ele terá meu voto. Voto e ainda tasco um abraço apertado.
Quem inventou que praia com criança pequena é fácil, é gostoso, é pimpão? Claro que tem o lado ótimo e divertido, mas tem também o mar bravo, areia suja, quatro mil quinhentas e sessenta pessoas, sol escaldante, sorvete com água contaminada, micose, virose, tatuí, bicho geográfico, cocô, piolho de pomba, Iemanjá (tenho medo dela), acarajé (tenho medo dele), camarão vivo e morto, e ainda por cima tem o seu bebezinho que corre feito um siri desgovernado por quilômetros a fio atrás de uma bola de frescobol alheia. É muita coisa pra uma pessoa adulta dar conta. 
Pessoa adulta gosta de esticar na cadeira, ler um bom livro e respirar a brisa marinha na santa paz de Deus, de preferência ouvindo Cat Power e não o pagode da barraca vizinha. 
Como conciliar pessoa adulta com pessoa criança? Não dá pra conciliar. É nessas horas que você tem que ser forte, você tem que ser mãe (ou pai), respirar fundo, tomar um café da manhã reforçado, caprichar no alongamento e não deixar de ter fé. Fé que a noite a pessoa criança pegue num sono ferrado e você possa desmaiar sossegada na beira da cama. 
Mas isso meus caros,  nem sempre acontece. Só acontece com crianças que dormem.

Férias da férias, por favor.


21 comentários:

Anônimo disse...

ki bommmmmmmmmm
é assim mesmo, eles não páram um minuto....
Bom começo meio e fim de 2013 pra voces duas!!!!- janaina

Anônimo disse...

Parabéns, foi a teoria de ferias, mas bem humorada e correta que ja vi. Mas não se preocupe as crianças crescem e sentimos falta de todo esse tumultuo. Feliz 2013.

Adriana disse...

Giu, acabei de copiar seu texto e evniar para algumas amigas que ainda não conhecem seu blog (com certeza, a partir de agora serão leitoras assíduas:). Você cosneguiu traduzir exatamente a minha sensação hoje! Também estou voltando de férias hoje e a impressão que tenho é que estou mais cansada do que quando saí. E eu tenho 2 pimpões: o Theo, da idade da sua Lulu, e meu Lulu (Luca), de 1 ano e 3 meses que descobriu sua independência na praia e, provavelmente arrependido, resolveu colar na mãe que nem chiclete na volta para casa!
Bjs e boa sorte para nós!! Feliz 2013 para todas as mamães e vamos pleitear férias de 90 dias por ano :)

Mami Potato disse...

Hahaha, sua descrição de praia com criança foi ótima! Um bom 2013 pra vc e sua Lulu!
Baci
Thati

Daniele disse...

eu estava igual... a diferença é que tenho 2, ambos dormem, mas quando acordados, ó céus, ó vida, ó azar... paz e harmonia, cadê vocês... Isadora tem 1 ano e 4 meses e já briga com o irmão de 6 anos, puxa o cabelo, briga, ele não se faz de rogado e desconta como se lidasse com alguém de 6 anos também, e eu sigo louca e firme no propósito fiel de ser mãe, ama-los e dar educacão..ahan!

Cristina disse...

eita puxado mesmo!!!!!
mas faz parte né, melhor curtir com ela o tempo que puder, logo log ela cresce e va foi rsrs bjos

VYG disse...

HAHAHAHA!!! Chama um monte de amigas e amigos que adoram crianças e as escravize! rsrs! Fiz isso com minhas primas e descansei um pouquinho mais! Ficaadica#

Anônimo disse...

Giuliana, como agradecer a melhor coisa que me ocorreu neste ano (rs) que foi conhecer esse blog.
SENSACIONAL!!!
Depois de 30 meses acho que foi a primeira vez que dou uma gargalhada intermitente por mais de 2 minutos.
Hilario e incrivelmente semelhante a minha vida!
Tambem tenho uma Ana Luiza, que tem quase 3 anos (a ser completados em marco), sou separada faz 2 anos e tambem sou de Jundtown!!!!
Parabens pelo seu inteligentissimo e hilariante senso de humor!
Alessandra & Zazá

Vanessa Cavasotto Leite disse...

Concordo absolutamente.
E VSFD quem julga as maes que levam babá pra praia.
Imagina poder fechar os olhos mesmo que por um único minuto inteiro, os 60 segundos completos, ouvindo as ondas sentindo o calor do sol? Saudade disso.

Anônimo disse...

Otimo!! Esse é o resumo das minhas (férias) tambem, mas apesar de tudo é maravilhoso ser pai, no seu caso mãe, mas é tão bom que nasceu meu terceiro tesouro. Agora tenho gui, duda e arthur..... quer me ajudar,rsrsrsrs.
boa sorte com a linda lulu e que DEUS as abençoe.

Dani disse...

Ser mãe é pagar a língua... Quando não tinha filhos, eu execrava as "madames" que levavam babás pelos quatro cantos do mundo. "Imagina, tem que levar babá até pra praia?" Ha ha ha!! Agora, eu não só levo a minha a tiracolo anywhere e trato como rainha, como sinto uma ponta de dó de todas as outras que não têm. Porque mesmo as mais corajosas, que rejeitam a companhia das nannys, lá no fundo devem sentir uma ponta de inveja da mãe que se estica ao sol sem preocupações...

Selma Buss disse...

Adorei o seu blog!

Reconheci-me completamente em seus relatos sobre a maternidade e suas delícias e provações diárias. Tive duas filhas que também não dormiam. Agora tenho uma netinha de 1 ano e dois meses que... também não dorme!... rsrs.
Vou passar o link de seu blog pra minha filha acompanhar. Sei que ela também se identificará. E muito!

Grande beijo!
Selma Buss

Anônimo disse...

texto perfeito!!!!! mães nunca tiram ferias de verdade!
Vanessa

Edivaneide Lima disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Nossa imagino a menina peralta e você correndo de um lado para o outro. Não pode vacilar porque se não ela some de vista! Aff

Ivna Pinna disse...

Ju, estamos com saudade das suas postagens menina! Cade você?
Hem? hem??

Beijos nas duas!

Mariana Negrão disse...

vocÊ é sensacional...

Mariana Negrão disse...

vocÊ é sensacional...

Anônimo disse...

Descobri vcs hoje? Pq meu Deus, só hoje se em casa também tenho uma de 3 anos e 4 meses que NÃO DORME também! Estou lendo seu blog inteirinho e amando! PARABENS! Não pelas noites mas pelo seu poder de retratar EXATAMENTE o que eu passo também! E o texto http://minhamaequedisse.com/2013/01/maternidade-o-lado-b-ou-a-vida-como-ela-e-e-nao-como-deveria-ser-ou-por-que-caralhos-ninguem-nunca-me-contou-isso/ é SENSACIONAL! Sou sua fã! DANI

Marcella Nathaly disse...

Perto da tua, a minha Ana Luiza tá até parecendo uma menina comportada... Conseguimos ir à praia sozinhas, numa boa... Deve ser porque a deixo chupar zilhões de Fruttares seguidos... rsrsrs

Cíntia disse...

Cadê você? Que nunca mais apareceu aquiii? kkkkkkk viu até uma música das antigas encaixou agora, come back please NOWWWWWWWWWWW

Anônimo disse...

kkkkkkkk
Giu, quer um consolo?
Tenho duas Lulus, ou melhor, duas meninas gêmeas que NÃO DORMEM até hoje com quase 2 anos!
Me vejo em você só que ao quadrado!
Praia com elas?? Estou ensaiando mas ainda não tive coragem, ou melhor, ninguém se habilitou a nos ajudar porque sabem que o negócio é punk!! rsrs
Aline