domingo, 9 de maio de 2010

Para Anna Luísa

Como hoje é dia das mães, quero publicar uns trechinhos de uns escritos que rabisquei para minha filha e estavam guardados/perdidos num caderninho... enfim... Filha, pra você, um tiquinho do que sinto.

"...Você pousou em mim tão silenciosa, tão tranqüila, tão luminosa! Você habitou em mim por nove meses, foi minha inquilina e eu nem te cobrei por isso, pelo contrário; ainda te devo e vou dever e dever e dever pra sempre.

Quando ouvi de uma pessoa querida que foi você que me escolheu, eu não consegui conter as emoções e chorei.Um choro meio envergonhado, sim, por estar me debulhando em lágrimas diante de olhos curiosos, até reprovadores diria, e não sozinha no meu quarto como sempre fiz. Chorei, porque aquelas palavras me tocaram; tocaram lá no fundo do meu coração, num lugar que eu ainda não tinha visitado, num lugar que ainda era misterioso pra mim, num lugar onde você já morava e eu não sabia.E continua morando e vai morar enquanto eu respirar e minha alma viver.

Quando estamos grávidas, as emoções ficam gigantes, e tudo te faz chorar, sorrir, sorrir e chorar ao mesmo tempo.Tudo passa a fazer sentido e nada mais faz sentido. É contraditório, é intenso. É medo, é amor, é ansiedade e felicidade tudo junto misturado. Os sons amplificam, os ruídos ficam audíveis até pra quem é surdo. O eu te amo baixinho, falado diretamente à barriga, vira um EU TE AMO do tamanho do mundo! Por que ser mãe é isso. É tudo exagerado é tudo urgente e tudo apaixonado. Cada minuto vira um segundo e o tempo passa muito depressa. Quero que você cresça mas não quero que te ver crescer. Quero você assim criança, bebê . Quero você só pra mim e não pro mundo. O mundo é cruel demais pra você. Quero você guardadinha aqui comigo e que não saia do meu lado nunca, nunca, nunca.Mas não posso. Só quero você feliz! E por essas e outras desisti de ser a razão e agora , por você, eu sou toda coração."

" ..... Daí a vida me sorriu, assim sem mais. Como se eu fosse merecedora desse prêmio , como se esse prêmio tivesse reservado pra mim há séculos e de um dia pro outro e sem aviso...pufff materializa bem na minha frente e numa hora inimaginável, quando eu estou no avesso. As flores, sem mais nem porquê desabrocharam no meu quintal, e agora eu tenho você. Alguém que eu nunca sonhei nunca imaginei e nunca pensei que fosse ganhar, assim dos céus. Ainda tenho minhas dúvidas, me belisca?

...E até onde vai nossa capacidade de amar ?? Achava que meu amar era profundo, mas quando achava isso ainda tava no raso, cada dia eu amo mais e mais e mais. E me pergunto: esse presente é meu mesmo??Nao se enganaram??Nunca me imaginei capaz de cuidar de uma criaturinha tão pequetica, tão dependente, tão precisada de mim, do meu amor do meu calor.E sou capaz ! Para minha surpresa eu sou capaz, sim . E isso é o que me faz lutar a cada dia, que me faz buscar forças lá no útero da alma, que me faz aprender, decorar, acostumar com coisas novas. Coisas que eu tenho, eu preciso, pra poder cuidar de você, minha Anna, minha Luísa, minha luz. Será que vocezinha não se enganou e escolheu a mãe errada? Porque eu te amo tanto que até dói. Amo como se amanhã o mundo fosse acabar. E se for mesmo e eu não tiver te amado o suficiente? Então eu amo por hoje, por amanhã e por todo sempre. Só pra garantir."


5 comentários:

sueli disse...

é minha flor. sentimento de mãe é assim mesmo. toma novas formas conforme o tempo passa mas, o amor continua incondicional e você vai estar sempre ao lado da sua cria, haja o que houver. às vezes a gente pode ter até a sensação que já foi mais amada, mas é só ilusão. o amor e o carinho tendem aumentar. Você é uma excelente mãe e dá prá ver nos olhinhos da sua Lulu o quanto ela ama e gosta de ter você por perto. Beeeem perto; diga-se de passagem. rs. Beijos

Mãe Mochileira,filho malinha.. disse...

Oi Ju! achei seu blog no post da MAri,estamos te seguindo ta??
achei o layout do seu blog liiindo! e sua filha e uma fofa!! ;-)
espero que tenha tido um otimo dia das mães!! bjs e boa semana!!

Tatiana Bonotto Cake Designer disse...

Estou a cada dia mais apaxonada pelo blogs q venho visitado para divulga o meu...e percebi q estou perdendo tempo de não ter feito um para meu filho....
em breve estarei compatilhando os meus momentos.


Adorei..seu blog...estou navegando pra divulgar meu blog.

Visite meu blog e se gostar vai ser um prazer ter sua companhia.

bjs

www.tatidesignercake.blogspot.com

Marcella Nathaly disse...

Incrível, isso. Quando eu estava grávida ficava me perguntando se merecia, porque não sei fazer nada direito, quem diria cuidar de alguém! Mas aí elas vêm e mostram que nós conseguimos mais do que imaginamos!

Lindo o que você escreveu! Beijão!

Anônimo disse...

Que texto lindo...como vcs! Parabens!